(Tempo de leitura: 2 minutos)

Para que o Google funcione bem, precisam existir algumas regras e, entre elas, estão alguns conteúdos que são proibidos. Aliás, o Google Ads — plataforma de anúncios do Google — é bastante rígido neste aspecto e, apesar de ter uma lista extensa, muitas empresas conseguem trabalhar bem dessa forma e ter ótimos resultados. Assim, você também pode alcançar os seus objetivos sem ser prejudicado pelos conteúdos proibidos do Google.

Ter presença online é algo fundamental nos dias atuais, por isso, é necessário criar conteúdo da maneira correta. O Ads é uma das formas que as empresas usam para alcançar potenciais clientes. Porém, os anúncios no Google possuem alguns limites que precisam ser respeitados.

Você sabe quais são os conteúdos proibidos pelo Google Ads? Se não, está na hora de descobrir. Confira!

4 principais conteúdos proibidos pelo Google Ads

1. Conteúdo adulto

Como o Google é uma rede de pesquisa utilizada por pessoas das mais diversas idades, inclusive crianças, este é um tipo de anúncio bastante delicado. Já pensou uma criança acessando vídeos e imagens de nudez ou sexo explícito? Certamente não é isso que você deseja nem o Google.

2. Drogas de uso recreativo

Se você tem uma página na internet na qual vende drogas de uso recreativo, então também não poderá utilizar os anúncios do Google. Mesmo se tratando de drogas legalizadas, a rede de buscas não permite este tipo de anúncio.

3. Jogos de apostas

Você é dono de alguma empresa ou serviço que oferece jogos obtendo alguma vantagem econômica? Até mesmo um inocente jogo de poker no qual os jogadores apostam dinheiro é um conteúdo proibido pelo Google Ads.

4. Fake news

Nunca houve uma guerra tão grande no mundo virtual como a que vemos hoje contra as Fake News. E, é claro, o Google Ads não permite o anúncio de conteúdo que não é verdadeiro. Por isso, se você está pensando em espalhar notícias falsas ou conhece alguém que deseja fazer isso, saiba que não é permitido.

5. Temas polêmicos

O Google Ads não permite anúncios sobre conteúdos relacionados à religião, racismo, etnia, gênero e outros assuntos que costumam gerar muita polêmica. É uma forma que a empresa tem de proteger os usuários de situações ofensivas.

6. Conteúdo violento

Outro tipo de conteúdo que o Google proíbe o anúncio é quanto à violência. Páginas que divulgam assuntos, vídeos e imagens de acidentes, pessoas feridas e outros do tipo não são agradáveis ao usuário, portanto, não são permitidos. Empresas que vendem armas e fogos de artifício também estão proibidas de divulgar seus anúncios na rede.

7. Comportamento fraudulento

Você nunca verá um anúncio no Google incentivando pessoas a fazer algo ilegal como vender ou comprar documentos falsos. Outra situação é a venda de trabalhos acadêmicos ou pessoas divulgando que podem fazer estes trabalhos.

Agora que você já sabe quais são os conteúdos proibidos pelo Google Ads já pode começar a criar a sua estratégia de conteúdo. Leve em consideração outros fatores como os objetivos, metas da empresa, jornada do cliente e o funil de vendas.

Quer mais ajuda com o Google Ads? Então, confira como otimizar o gerenciamento de campanhas na plataforma!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>